Objetivos Gerais / Específicos


Bem vindo!

Aqui você encontra Informações; Oportunidades de negócios; Produtos; Serviços nas áreas ambiental, civil e imobiliária!

Agradecemos a visita!

Confira oportunidades de empregos em várias áreas e locais

PROJETE, CONSTRUA, REGULARIZE E DÊ MANUTENÇÃO EM SEU IMÓVEL...

PROJETE, CONSTRUA, REGULARIZE E DÊ MANUTENÇÃO EM SEU IMÓVEL...

Por menos poluição...

ADRENALINA MELHORA SUA VIDA...

Loading...

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

TURISMO ECONOMIA MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE

Neilson Guimarães *

O turismo é uma importante atividade econômica, está intimamente ligado ao meio ambiente e aproveita-se de suas condições geográficas, características naturais, condições climáticas, vegetação, formas de relevo, hidrografia, oceanos, além de potencializar a promoção de aspectos culturais como paisagens arquitetônicas, comércio, eventos sociais e econômicos como feiras comerciais, conferências internacionais, dentre outros.

As atividades turísticas promovem os locais pelos seus valores paisagísticos e culturais, transformando-os em espaços de consumo, porém de formas intangíveis, diferentes das atividades poluidoras, que degradam o meio ambiente seja pela extração predadora de recursos naturais ou pela poluição lançada na natureza de forma indiscriminada.

O setor turístico necessita de proteção das paisagens naturais saudáveis, com espaços produzidos visando o desenvolvimento de atividades econômicas como produtos de consumo para usuários que estabelecem uma relação passageira de visitação, importantes na geração de sensação favorável, atraente e harmoniosa, tanto para a valorização local quanto para a promoção de empregos e renda.
                            

O turismo é considerado um dos principais negócios do mundo, tornou-se uma das atividades que mais cresceu nas últimas décadas, obteve faturamentos que colocaram o setor ao lado de indústrias petrolíferas, automobilísticas, de armamentos e serviços financeiros. Um grande receptor mundial de turistas é o EUA, o país obteve cerca da sexta parte de toda a receita obtida com o turismo internacional. Por virtudes de atrativos históricos e culturais como monumentos arquitetônicos, espaços públicos, costa mediterrânea, e dos Alpes, o continente Europeu que possui infra-estrutura para receber grande fluxo anual de pessoas de fora, é outro importante destino de turistas, seus países mais visitados são França, Espanha, Itália,  Reino Unido e Alemanha.


Foto: Antonio Galheigo Neto, Portal da Pedra Azul, ES, Brasil, 2006

Em 2005, o turismo brasileiro contribuiu com 3,2% das receitas nacionais advindas da exportação de bens e serviços, foi responsável pela criação de 7% dos empregos diretos e indiretos na economia. Em 2006, estima-se que 1,87 milhão de pessoas foram empregadas no setor, com 768 mil empregos formais e 1,1 milhão de ocupações informais. O Brasil é o segundo país da América Latina em termos de fluxo de turistas internacionais, é o principal destino do mercado turístico internacional na América do Sul, tendo recebido 5 milhões de visitantes estrangeiros em 2008 que gastaram mais de 5,7 bilhões de dólares, o que deu ao país 3,4% do fluxo turístico internacional no continente americano.

No Espírito Santo há diversos espaços de vocação turística que combinam a beleza das praias com o aconchego das montanhas, o estado é repleto de vales, cachoeiras, reservas, rochedos, orquídeas raras e colibris, possui um dos maiores índices de biodiversidade do mundo que levam o turista a desfrutar as delícias  promovidas pelo Turismo cultural, Turismo de aventura, Turismo religioso, Turismo rural, Turismo sustentável, que preserva as espécies da Mata Atlântica e mostram a preocupação com a natureza e as belezas naturais, Turismo de eventos e negócios, Turismo náutico e Turismo gastronômico, com seus inúmeros restaurantes, onde o prato mais pedido é moqueca capixaba conhecida pelo seu delicioso sabor e pela famosa frase do escritor Cacau Monjardim "Moqueca, só capixaba, o resto é peixada", uma provocação aos baianos, que rivalizam com os capixabas o direito de se proclamarem os melhores "moquequeiros" do país.

A criação e valorização de pontos turísticos além de projetar cidades, gera atividades econômicas importantes para o fomento de renda familiar, promoção e crescimento das pessoas, e com uma característica peculiar, o turismo é uma atividade que gera poucos impactos ao meio ambiente.
O papel dos Governantes é imprescindível na criação de infra-estruturas adequadas, tais como estradas, aeroportos, portos, saneamento, e principalmente a preservação ambiental, para fomentar o turismo e atender satisfatoriamente ao volume de pessoas que se estabelecem temporariamente nos locais para desfrutarem do bem estar junto a ambientes preservados e sua população acolhedora.

Vitória 12 de maio de 2012

NOTAS:- *
- Bacharel em Arquitetura e Urbanismo;
- Especialista em Gestão e Educação Ambiental;
- Pós Graduado - MBA em Gestão de Obras e Projetos;
- Mestre em Gestão e Auditorias Ambientais com ênfase em Engenharia e Tecnologias Ambientais.
- Representante da FAMOPES no Conselho Regional de Meio Ambiente - CONREMA V;

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DECORE SEU IMÓVEL...

DECORE SEU IMÓVEL...

CONSULTORIA IMOBILIÁRIA ESPECIALIZADA - CONSULTE

CONSULTORIA IMOBILIÁRIA ESPECIALIZADA - CONSULTE